24 de jul de 2011

A gente que se engana!!

Eu vivo falando esta frase aqui em casa, isso porque subestimamos demais nossos filhotes.

1 - Resistência: temos aquele cuidado enorme, como se o mundo fosse uma constante ameaça mortal a vida dos babys. Porém, considerando a ressalva que tudo tem um limite razoável, o mundo tem muito a contribuir ao desenvolvimento deles, anticorpos, noção de sociabilidade, bons estímulos - maus tb - enfim, se sair de casa fosse algo tão ofensivo eu mesma não estaria aqui para contar história. Fora aqueles casos, estúpidos por sinal, de crianças cujos pais não tem condições físicas, psíquicas e econômicas para protegê-los e os desumanos ue acabam por deixar os filhos em situações precárias, graças a Deus muitas crianças mostram nesses casos sua garra em sobreviver e mostram a nós o quanto são fortes;

2 - Manha: lógico que este assunto tem que ser muito bem observado. Eu por experiência própria posso comentar.
    Como Letícia tem refluxo, ainda mas nos livraremos o mais rápido possível, passamos por dias bem difíceis, era o dia inteiro com a mocinha nos braços. Teve um dia que até liguei para o pediatra e falei: Dr. eu não sei mais o que fazer, Letícia só quer ficar nos braços, chora sempre que a coloco no berço ou qualquer outro lugar. O que ela tem, é manha ou dor? E ele para meu "alívio" disse: Não tem o que fazer mãe, ela tá com dor, não é manha, continue com a medicação e com ela nos braços que logo tudo passará!
     Lógico que detestei saber que ela tava com dor, mas saber que não era manha me deixou mais aliviada.
    1 mês se passou e eu compreendi bem o que é manha. Letícia chora sem parar, coloco ela no trocador - lugar este que ela ama - nada. Põe no berço, nada. Braço, nada! Finalmente meu amor, o que você quer?! Coloquei no bebê confort e ela continuou a chorar. Minha mãe queria dar colo, mas dessa vez decidi deixar ela chorar e observar, resultado: o choro não colou, cessou e de sobra tinhamos uma menina linda, de olhos bem atentos e bem sentada, depois até sorriu e foidormir em paz.
    Isso era manha e ai eu digo, a gente que se engana achando que eles não sabem o que faz.

3 - Desenvolvimento: sempre temos a ansiedade p ver nossos filhotes se desenvolvendo. Esperamos o olhar atento, o sorriso, a mãozinha  pegando tudo, a boca como alvo para tudo, pegadas....Mas lá no fundo não exigimos nada, porque cada criança tem seu ritmo, contudo criamos estímulos e esperamos com calma. De repente vem o resultado, o sorriso lindo, achamos que foi coincidência, mas a gente que se engana, nossos filhos estão fazendo tudo de uma vez. Sorriso, tentam pegar os brinquedos, observam tudo, chutam o calçado longe..... ai ai ai... nós pais nos enganamos sempre e no futuro virão as peripécias e esperamos não nos enganarmos e agirmos rapidamente.

Hoje as crianças são super desenvolvidas. Com 1 mes muitas nem parecem recem-nascidas, logo endurecem pernas, pescoço, estão dando chutes fortes, as crianças andam mais cedo, falam mais cedo...dá-lhe desenvolvimento alá sec XXI.

Por isso não se engane, seu(a) filho(a) está crescendo!!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você poderá também gostar de: